O que é Musicoterapia?

 

"A musicoterapia é definida como um campo de conhecimento “que estuda os efeitos da música e da utilização de experiências musicais, resultantes do encontro entre o/a musicoterapeuta e as pessoas assistidas”. Essa prática tem por objetivo, “favorecer o aumento das possibilidades de existir e agir, seja no trabalho individual, com grupos, nas comunidades, organizações, instituições de saúde e sociedade, nos âmbitos da promoção, prevenção, reabilitação da saúde e de transformação de contextos sociais e comunitários”.
Fonte: União Brasileira das Associações de Musicoterapia (2018)

 

Papel do musicoterapeuta

 

 

Realizar atendimento terapêutico em pacientes e clientes (em grupo ou individual) utilizando programas, métodos e técnicas específicas de musicoterapia.

 

Atuar na orientação de pacientes, clientes, familiares e cuidadores.

 

Desenvolver programas de prevenção, promoção de saúde e qualidade de vida.

 

Exercer atividades técnico-científicas através da realização de pesquisas, trabalhos específicos, organização e participação em eventos científicos.

Atuação

 

 

Para ser um musicoterapeuta é necessário que o profissional tenha diploma em algum curso reconhecido a nível de graduação ou especialização com comprovação de estagio supervisionado em musicoterapia (como recomenda o código de ética).

 

Os profissionais exercem suas funções em setores como: saúde, serviços sociais, educação, dentre outros.

 

O musicoterapeuta pode trabalhar com diversos métodos, dentre eles: métodos receptivos: quando o musicoterapeuta toca música para o paciente. Este método geralmente é utilizado quando os pacientes possuem grandes dificuldades motoras ou quando o profissional tem um objetivo específico. métodos ativos: quando o paciente toca os instrumentos, canta, dança ou realiza outras atividades junto com o terapeuta.

ESPAÇO DO MUSICOTERAPEUTA

musicoterapia (1)